fundo

Páginas

CANTO VERDE

MORAMOS ESCONDIDOS NO ALTO DE UMA MONTANHA...(eu sempre tive vontade de morar em lugares altos, minha cidade tem muitas montanhas). AQUI TEM MATAS FECHADAS,PODE SE OUVIR O CANTO DOS PÁSSAROS O BALANÇAR DAS ÁRVORES AO VENTO!!! O SILÊNCIO É MARAVILHOSO, NO MEU JARDIM POSSO OUVIR O CORRER DA ÁGUA NA CASCATINHA DO LAGUINHO... RESPIRANDO O AR PURO E SENTINDO O PERFUME DA MATA!!!! VERDADEIRAMENTE MORAMOS NUM LUGAR BONITO , QUE É NOSSO POR HERANÇA DO NOSSO DEUS QUE MORA NO CÉU! NOSSA CASA NOS CONSTRUÍMOS SÓ PARA NOS ABRIGAR DA CHUVA E SOL...AQUI TEM LUGAR PARA ACOLHER A FAMÍLIA, OS IRMÃOS ,OS AMIGOS... SOMOS ABENÇOADOS, VIVEMOS AQUI ATÉ NOSSO SENHOR JESUS CRISTO VOLTAR PARA NOS BUSCAR ,PARA VIVER COM ELE NA NOVA JERUSALÉM QUE ESTÁ NO CÉU... AQUI É UM REFÚGIO COM MUITO VERDE E AZUL DO CÉU, MUITO SILÊNCIO, COM TUDO ISSO FICAMOS MAIS PERTO DE DEUS!!!!

Quem sou eu

Minha foto
são roque, São Paulo, Brazil
Filha de Deus serva de Cristo Jesus, amo bichos,flores e artesanato. Tenho duas filhas,um filho,uma neta e um neto e um marido maravilhoso...que foi presente de Deus.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

A HISTÓRIA DOS HEBREUS...

Flávio josefo, judeu ,escritor, historiador,que viveu entre 37 e 103 d.c, instruído na vasta cultura judaíca, filho de sacerdote, falava perfeitamente o latim e o grego. escreveu a História dos Hebreus , esta obra atravessaria séculos, e chegaria até nós. Depois da Bíblia é a maior fonte de informação sobre os impérios da antiguidade, do povo judeu e do império romano.  No livro décimo oitavo, capítulo 04, parágrafo 772 , ele escreveu :   Nesse mesmo tempo , apareceu JESUS, que era um homem sábio, se todavia devemos considerá-lo simplesmente como homem tanto suas obras eram admiráveis. Ele ensinava os que tinham o prazer de ser instruídos na verdade e foi seguido não somente por judeus, mas mesmo por muitos gentios. Era o Cristo. Os mais ilustres da nossa nação acusaram-no perante pilatos e ele fê-lo crucificar. Os que o haviam amado durante a vida não o abandonaram depois da morte. Ele lhes apareceu ressuscitado e vivo no terceiro dia, como os santos e profetas o tinham predito e que ele faria muitos outros milagres. É dele que os cristãos, que vemos ainda hoje tiraram seu nome.       

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget